Ouça:

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Robalation Podcast no ar!

Esta é a primeira edição do Robalation Podcast, que tem uma proposta bem simples: meia-horinha de música legal pra vocês ouvirem. O conceito de "música legal" é obviamente bastante subjetivo, mas vão ouvindo aí e vejam se concordam com as escolhas. A ideia inicial é colocar um no ar por semana, e segunda-feira parece um bom dia pra isso.



Dá o play aí em cima e vai acompanhando o setlist deste primeirão:

1 - Dona Joana - Invisível eu
Dona Joana é das bandas mais legais do Rio de Janeiro hoje em dia. Se tiverem a chance de assistir a um show, não percam! O futuro é meio difícil de prever, mas acho que eles ainda vão chamar atenção de muita gente (andaram há pouco tempo aparecendo na Globo, até, em um Som Brasil em homenagem a Zezé di Camargo & Luciano - lança no YouTube que tem uns vídeos disso por lá). Esta música tem um clipe bacana e já virou tema de abertura de um programa do Multishow.

2 - The Baseballs - Paparazzi
O The Baseballs tem o som numa onda que tem a ver com a Dona Joana, mas numa proposta específica: fazer versões swing de músicas pop de sucesso. Não é tão original assim, mas fica divertido - conheço dois discos deles, com músicas de Backstreet Boys, Rihanna e outros, e gostei. Vocês já devem ter sacado que esta Paparazzi é aquela mesma, da Lady Gaga.

3 - Franz Ferdinand - Womanizer
Seguindo nessa de versões diferentes para sucessos pop, aí está o Franz Ferdinand tocando uma da Britney Spears. A gravação foi para o programa BBC Music Lounge.

4 - Beatles - Drive my car
E como passamos para o rock, por que não Beatles, certo? Essa o Paul toca bastante nos shows da turnê que passou em 2010 e 2011 pelo Brasil.

5 - Aretha Franklin - Eleanor Rigby
Reparei agora que este podcast tem boa parte do setlist formado por versões bem diferentes pra músicas conhecidas. Eleanor Rigby (que o Paul também toca nos shows hoje em dia) é das minhas preferidas dos Beatles; essa versão da Aretha Franklin é diferentaça da original - e muito boa mesmo.

6 - Ringo Ska - I wanna be your man
Mais versão de Beatles. Essa é de um projeto montado se não me engano na Alemanha, só pra fazer versões ska de músicas conhecidas deles. Dá pra achar o disco pra baixar no Google mesmo.

7 - Caro Emerald - Back it up
Já que entramos no ska... Essa, na verdade, passa longe de ser um ska clássico - é bem pop e me lembrou muito a Lilly Allen da primeira vez que ouvi. O disco todo da Caro Emerald, uma cantora holandesa, não é todo nesta linha não, mas é bem legal. Se chama Deleted scenes from the cutting room floor e também dá pra achar pra baixar no Google sem muita dificuldade.

8 - Coquetel Acapulco - Que tal Paris?
Aproveitando a deixa do ska com vocal feminino. Essa é do EP mais recente do Coquetel, primeiras gravações com a Silvia no vocal. E está muito bonito ela cantando com eles.

9 - Wilson Simonal - Carango
Na época que eu ainda tocava com o Coquetel, um tempo antes do documentário do Simonal chegar aos cinemas, a gente começou a fazer um cover dele - Nem vem que não tem - que funcionava bem nos shows. Essa é outra do Simonal, das minhas preferidas. E justamente de onde tiraram o verso que virou título para o documentário.

10 - Canastra - Chevette vermelho
E depois do Simonal cantando sobre carro, o Canastra cantando sobre carro pra encenar. E encerramos assim!

Um comentário:

Pedro Zaidhaft disse...

muito boa seleção, andré!!