Ouça:

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Na torcida pelo exército 2-Tone

A vida de quem gosta de ska no Rio de Janeiro melhorou, e muito. Hoje, há uma festa regular genuinamente dedicada ao ritmo, a Bangarang; uma bela banda local bem sucedida, dedicando-se a criar em cima dele, o Coquetel Acapulco - da qual orgulhosamente fiz parte -, além de uma porção de outras com ele na mistura; e, pra completar, a cidade passou a fazer parte do roteiro das turnês de bandas internacionais que vêm ao Brasil. 

Só este ano, estiveram por aqui Palmeras Kanibales, da Venezuela; Fast Food Orchestra, da República Tcheca; e Slackers e New York Ska-Jazz Ensemble, dos States. E agora, pra completar - e realizar um sonho antigo meu -, estamos aí na torcida pelo Toasters. A vinda pro Brasil está marcada e confirmada no MySpace deles, mas parece que alguns problemas de última hora podem acabar melando a passagem deles pelo Rio - em princípio, dia 14/12, no Teatro Odisséia. Todos de dedos cruzados!

Trata-se de uma das primeiras bandas de ska que conheci, assistindo ao clipe de 2-Tone Army no Lado B, da MTV. Foi uma das grandes responsáveis pelo surgimento da terceira onda do ska nos EUA - um tanto pela sua música, mas talvez mais até pelo selo Moon Ska, fundado por Robert "Bucket" Hingley, seu líder. Estiveram no selo Laurel Aitken, Bad Manners, Hepcat, Pietasters, Slackers, NY Ska-Jazz Ensemble e outros tantos.

Sugiro àqueles que não conhecem começarem pelo álbum Hard band for dead, de 1996. Nele estão músicas que muito provavelmente estarão no setlist do show do dia 14 (de novo: dedos cruzados!), como Talk is cheap e 2-Tone Army, bastante influenciadas pela segunda onda do ska, a da Inglaterra dos anos 70. Mas tem também coisas caindo mais pra mistura com rock que caracterizou as bandas americanas mais novas, como I wasn´t going to call you anyway; e outras com a bateria mais baseada no ritmo original jamaicano, como a instrumental Mouse. Gosto muito ainda de Secret agent man, que foi gravada originalmente por Johnny Rivers nos anos 60 (e que o Canastra anda tocando em shows por aqui, numa versão maneira unindo com o tema de James Bond).

Então - clica aqui e baixa o disco.



Pra quem não é do Rio, o MySpace deles também divulga os dias 12 e 13 de dezembro em São Paulo, na Outs. Que venham!

2 comentários:

Paulo Monnerat disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Paulo Monnerat disse...

Sonhar é bonito e tal...mas o sonho parece que acabou mesmo. No site da radiola já comunicam que os shows, tanto do Rio, quanto de Porto Alegre e Curitiba foram CANCELADOS. Meus dedos cruzaram tanto por esse show no Rio que tiveram filhos e agora sou um um fã de Toasters desolado e com polidactilismo!